(Foto retirada do Google)
Sinopse: Tenho uma maldição (Tenho um dom).
Sou um monstro (Sou sobre-humana).

Meu toque é letal (Meu toque é poder).

Sou a arma deles (Lutarei contra eles).
Juliette não toca alguém a exatamente 264 dias. A última vez que ela o fez, que foi por acidente, foi presa por assassinato. Ninguém sabe por que o toque de Juliette é fatal. Enquanto ela não fere ninguém, ninguém realmente se importa. O mundo está ocupado demais se desmoronando para se importar com uma menina de 17 anos de idade. Doenças estão acabando com a população, a comida é difícil de encontrar, os pássaros não voam mais, e as nuvens são da cor errada. O Restabelecimento disse que seu caminho era a única maneira de consertar as coisas, então eles jogaram Juliette em uma célula. Agora muitas pessoas estão mortas, os sobreviventes estão sussurrando guerra – e o Restabelecimento mudou sua mente. Talvez Juliette é mais do que uma alma torturada de pelúcia em um corpo venenoso. Talvez ela seja exatamente o que precisamos agora. Juliette tem que fazer uma escolha: ser uma arma. Ou ser uma guerreira.
Sou um monstro (Sou sobre-humana)
Meu toque é letal (Meu toque é poder) Sou a arma deles (Lutarei contra eles) Juliette não toca alguém a exatamente 264 dias. A última vez que ela o fez, que foi por acidente, foi presa por assassinato. Ninguém sabe por que o toque de Juliette é fatal. Enquanto ela não fere ninguém, ninguém realmente se importa. O mundo está ocupado demais se desmoronando para se importar com uma menina de 17 anos de idade. Doenças estão acabando com a população, a comida é difícil de encontrar, os pássaros não voam mais, e as nuvens são da cor errada. O Restabelecimento disse que seu caminho era a única maneira de consertar as coisas, então eles jogaram Juliette em uma célula. Agora muitas pessoas estão mortas, os sobreviventes estão sussurrando guerra – e o Restabelecimento mudou sua mente. Talvez Juliette é mais do que uma alma torturada de pelúcia em um corpo venenoso. Talvez ela seja exatamente o que precisamos agora. Juliette tem que fazer uma escolha: ser uma arma. Ou ser uma guerreira.

Juliette está presa em uma cela dentro de um hospício por exatamente 264 dias, ela não pode ter contato direto com absolutamente ninguém. Dá ultima vez que ela tocou em alguém acabou sendo acusada de assassinato e sendo jogado no local que está atualmente. Para tentar manter a pouca sanidade que ainda lhe resta, Juliette escreve em um diário improvisado, sabendo que ninguém realmente se importa com o que ela sente, ou pensa, todos acham que ela é uma aberração.

"Não tenho nada senão o chão.

Não terei nada senão o chão."

De repente um rapaz desconhecido é jogado na sua cela, então Juliette teme que o garoto vá toca-la e tudo acabe sendo um desastre total. Ela faz de tudo para mantê-lo longe o suficiente, e não causar problema para nenhum dos dois.
(Em algum momento no livro)

"Os pássaros costumavam voar, é o que as histórias dizem. Antes de a camada de ozônio ter se deteriorado, antes de os poluentes terem transformado as criaturas em algo ̶h̶o̶r̶r̶í̶v̶e̶l̶ incomum."

O mundo do lado de fora está um caos, pessoas morrendo em confrontos, doenças devastando a população e não tem alimento suficiente para todos, um típico cenário de distopia. Há ainda um grupo que se denomina como o Restabelecimento, onde eles estão enganando o povo para ao invés de ajudar oprimir a população cada vez mais e tentar deixa-los vulneráveis.

"Mas é quase impossível superar a gravidade quando ninguém está disposto a lhe dar a mão"

A história é bem diferente, Juliette é uma personagem um pouco difícil de entender, já que passou a maior parte da sua vida sem ninguém por perto, ou para ajuda-la. Em algumas passagens do livro nos vemos algumas palavras riscadas, e é como se fosse um pouco do diário que ela fazia durante o período que está em um hospício, mas com o tempo começamos a entender um pouco mais sobre ela e como a mente dela funciona.

"Dois três quatro mil estilhaços de sentimento perfuram-me o coração, derretem-se em gotas de mel quente que suavizam as cicatrizes de minha alma."

Eu acho que o eu mais gostei em todo o livro foi o vilão – Warner- ele é aquele tipo de cara que está totalmente focado em conquistar o mundo que não liga para absolutamente nada por fora, mas por dentro ele sabe que algumas de suas atitudes não vão leva-lo a absolutamente nada. Sério gente ele entrou para a minha lista de melhores vilões de livro.
( Quando o Warner aparece)

"Meu corpo é uma flor carnívora, uma planta doméstica envenenada, uma arma carregada com um milhão de gatilhos e ele está mais que pronto a atirar."

Uma coisa bem legal nesse livro é que a Juliette usa muitas metáforas para descrever o que ela está pensando ou sentindo, e eu achei isso bem diferente para uma personagem adolesceste.

Estilhaça-me é o primeiro livro da trilogia, e já foram publicados todos os livros aqui no Brasil. Tahereh Mafi também lançou dois contos separados, um sobre o mocinho (Adam), e outro sobre o vilão (Warner), que estão disponíveis em pdf.

Série Estilhaça-me:                                  Contos em pdf:
1-Estilhaça-me                                          1- Destrua-me
2-Liberta-me                                              2- Fragmenta-me
3- Incendeia-me                                        3- Unite-me (Os dois contos de cima, 
                                                                  com um extra do diário da Juliette)

               
                                                                                       


16 Comentários

  1. Ooi
    Olha só, comprei todos os livros e levei eles para ler na viagem à MG, quando voltei percebi que tinha esquecido o primeiro, Estilhaça-me. E até agora não pedi que minha tia me enviasse haha
    Mas quer o muuuito ler, parece tão bom, e agora com sua resenha então... acho que vou ler o primeiro em formato digital e os outros físicos.
    Beijoos
    www.estantemineira.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi,
      Sério?! eu também já me esqueci de um livro em uma viagem kkkk.
      Esse livro é ótimo, ainda não li o último- Incendeia-me- mas ele tá na minha lista. Você vai adorar :D
      Beijos

      Excluir
  2. Oiee ^^
    Warner é um cara que eu amo e odeio ao mesmo tempo ♥ quando você ler o segundo livro e os contos, vai entender por quê...hehe' gosto bastante da Juliette, adorei conhecê-la e adorei mais ainda ver como ela lida com as coisas, e seu jeito de ser também. E é impossível não sentir pena da mesma neste primeiro livro *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi,
      Ai.Meu.Deus, já quero o segundo livro kkkk, eu adoro o Warner, ele é aquele vilão que você ama odiar rsrs.
      Assim que eu ler o segundo faço uma resenha aqui :)
      Eu adoro a forma como a autora descreve a Juliette.
      Beijos

      Excluir
  3. Eu nunca li esse livro mas tenho muita vontade. Temho amigas que amam o Warner de paixão.
    Eu sou muito curiosa para ler quem sabe não encontro um tempinho?
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi,
      Você vai adorar, eu também amo o Warner, ele é o vilão perfeito e maravilhoso rsrsrs
      Tomará que você consiga achar um tempinho :D
      Beijos

      Excluir
  4. Oi Juh, nossa este livro deve ser bem intenso! Traz algumas questões interessantes e já andei lendo resenhas positivas dele. Eu acho a capa muito linda e apesar de ter ficado bem curiosa para conhecer a trama, só não investirei por ser trilogia e eu estou fugindo delas.

    Bjo
    Tânia Bueno Faces

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi Tania,
      Ele realmente é bem intenso, e sua temática é bem diferente. Eu não achei a capa muito bonita não, mas a história é bem legal. Eu te entendo, também já fugi de trilogias por um tempo rsrsrs.
      Beijos

      Excluir
  5. Nossa nunca passou pela minha cabeça que este livro se passava dessa forma, achei que fosse uma serie de romance, mas até fiquei mais interessada em conhecer.
    Obrigada pela sua resenha.

    Beijos

    Viviana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi,
      Eu também pensei que seria bem diferente, mas percebi que foi totalmente o oposto do que eu imaginava.
      De nada ;)
      Beijos

      Excluir
  6. essa seria me conquistou aos poucos, eu tenho que ler o ultimo livro. Warner melhor personagem.
    http://marifriend.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi,
      Até agora só li o primeiro livro, mas já quero o segundo rsrs.
      Warner melhor pessoa kkkk
      Beijos

      Excluir
  7. Já li várias resenhas positivas desse livro e cada vez fico mais curiosa, doida par conhecer o Warner e toda a história da Juliette.

    bjsss

    Apaixonadas por Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi,
      Esse livro é muito legal, tenho certeza que você vai gostar dele.
      O Warner é o melhor personagem kkkkkkk
      Beijos

      Excluir
  8. Olá!
    Eu já esse livro a alguns anos e fiquei encantada com a história. Não consegui concluir a trilogia, mas vou fazer isso esse ano. O Warner é o vilão mais lindo que já vi. E fiquei balançada entre ele e Adam confesso.
    Adorei a sua resenha.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi,
      Eu gostei bastante desse livro. Eu também não,até agora eu só li o primeiro. Warner com certeza é o melhor vilão :D
      Obrigada :)
      Beijos

      Excluir